Publicidade

Quatro toneladas de drogas e mais de 3 mil armas são apreendidas de janeiro a outubro deste ano, na Paraíba

Apreensões de armas cresceram 3% e as de drogas 89% em relação ao mesmo período de 2020

Por Portal Correio em 23/11/2021 às 17:19:09
Droga apreendida em ação policial (Foto: Reprodução/Divulgação/PM)

Droga apreendida em ação policial (Foto: Reprodução/Divulgação/PM)

De acordo com o relatório do Núcleo de Análise Criminal e Estatística (Nace) da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Sesds) da Paraíba, 3.024 armas de fogo foram apreendidas e mais de 4 toneladas de drogas retiradas das ruas entre janeiro e outubro de 2021.

Entre o armamento apreendido pelas polícias Militar e Civil, estão espingardas, pistolas e revólveres. O total representa 3% a mais do que a quantidade de armas retiradas de circulação no mesmo período de 2020.

Em relação às drogas, foram 3.023 kg de maconha, 118 kg de crack e 883,29 kg de cocaína que deixaram de ser comercializados. O crescimento nas apreensões foi de 89%, em comparação ao ano anterior.

Diminuição nos ataques à bancos

No combate aos crimes patrimoniais, houve queda de 17% nos ataques a banco. Em 2021, foram registrados 10 casos, enquanto de janeiro a outubro de 2020 foram contabilizados 12 crimes contra instituições financeiras. Ano a ano, o registro desses crimes vem diminuindo, saindo de 120 em 2016 para 16 no ano passado (-89%).

Os furtos de veículos também tiveram redução de 15% nas ocorrências. Ao mesmo tempo, 3.333 veículos foram recuperados e devolvidos aos seus proprietários, pelas forças de Segurança.

Violência contra a mulher

De janeiro a outubro, o número de mulheres assassinadas teve uma queda de 4%, com 73 casos registrados no período. Onze áreas acumulam redução de assassinatos em números absolutos: Bayeux, zona sul de João Pessoa, Catolé do Rocha, Queimadas, Sapé, Patos, Itabaiana, Guarabira, Cajazeiras, Picuí e Esperança.

Prisões

No período, mais de 7,8 mil operações foram realizadas em todo o Estado, resultando em 15.629 prisões, sendo 2.649 por crimes graves, como homicídios, latrocínios, roubos e pessoas com mandados de prisão em aberto.

Resgates e salvamentos

O Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba foi responsável pela realização de 3.867 resgates de vítimas de acidentes de trânsito nos 223 municípios paraibanos. Além disso, a atuação desses profissionais garantiu o salvamento de 161 pessoas, vítimas de tentativas de homicídio, e que foram socorridas em tempo hábil.

Fonte: Portal Correio

Comunicar erro
Publicidade

Comentários

Publicidade