Publicidade/DigiSat

Governo justifica gastos no cartão corporativo de Lula: "Agenda de viagens"

Governo Lula diz que os quase R$ 8 milhões em gastos nos primeiros sete meses da gestão trouxeram mais de 110 bilhões em investimentos ao pa√≠s

Por Henrique Lessa em 18/09/2023 às 23:50:40
Lula é o campeão de gastos com o cartão corporativo nos primeiro sete meses de governo - (crédito: Joédson Alves/Agência Brasil)

Lula é o campeão de gastos com o cartão corporativo nos primeiro sete meses de governo - (crédito: Joédson Alves/Agência Brasil)

O Pal√°cio do Planalto divulgou na noite desta segunda-feira (18/09) uma nota à imprensa justificando os quase R$ 8 milhões de gastos com o cartão corporativo do presidente Luiz In√°cio Lula da Silva. De acordo com o comunicado, o valor é justificado pela "intensa agenda internacional" de Lula da Silva e teria trazido para o Brasil mais de R$ 110 bilhões em novos investimentos. A resposta vem depois que dados do Portal da Transpar√™ncia, apontam que Lula gastou em 7 meses de mandato mais que todos os seus antecessores que utilizaram o instrumento.

O cartão de Lula somou quase R$ 8 milhões. Bolsonaro, no mesmo período, R$ 5,3; Temer R$ 3,8 milhões e Dilma registrou R$ 4,9 milhões, segundo matéria do jornal Folha de S.Paulo publicado nesta segunda-feira (18/9).

Mais cedo a Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presid√™ncia da República questionou os valores que constavam na matéria do di√°rio, que garante ter realizado a comparação atualizando os valores. "A Presid√™ncia da República não gastou em 2023 mais do que a gestão anterior com o Cartão de Pagamento do Governo Federal (CPGF). As despesas pagas nos primeiros sete meses deste ano são inferiores aos valores registrados no ano passado, passando de R$ 8,8 milhões em 2022 para R$ 7,99 milhões em 2023?, disse a Secom em nota.

No final do dia, o tom da nota mudou e a Presid√™ncia da República divulgou uma nova nota em que justifica a ampliação dos gastos em função da agenda internacional de Lula.

Veja a íntegra da nota da Presid√™ncia:

"O Brasil havia abandonado o seu protagonismo internacional e para reverter esse quadro, o Presidente Lula vem realizando uma intensa agenda de viagens internacionais em 2023, que resultaram diretamente em 111,5 bilhões de reais em novos investimentos para o país nos seis primeiros meses do ano.

É importante salientar, novamente, que a maior parte dos quase R$ 8 milhões gastos em despesas realizadas com o cartão corporativo no exercício de 2023 refere-se a serviços de apoio de solo das aeronaves em viagens internacionais, resultado desse intenso trabalho em curso pela atual gestão para retomar as relações diplom√°ticas do Brasil com o mundo.

Além de recuperar a imagem do país no exterior, o objetivo das viagens é também restabelecer as relações comerciais com parceiros importantes, o que resulta na atração de investimentos estrangeiros em √°reas estratégicas que contribuem diretamente para a recuperação da capacidade do mercado interno, impulsionando a geração de emprego e renda no Brasil."

Fonte: Correio Braziliense

Comunicar erro
Publicidade/Eletrotech

Coment√°rios

Publicidade/Armarinho Morais