Publicidade

Fátima Bernardes abre o jogo e revela real motivo de deixar o "Encontro"; confira

Por Francisco Marcos Pereira em 29/06/2022 às 13:13:51

A apresentadora Fátima Bernardes abriu seu coração ao vivo no “Encontro” desta quarta-feira, 29, e falou à Ana Maria Braga o que de fato a motivou a deixar o comando do seu programa matinal na Globo. A apresentadora do “Mais Você” disse que Fátima estava sendo corajosa de deixar o “Encontro” e perguntou se sua decisão tinha relação com seu namoro com o deputado federal Túlio Gadêlha. “Deixar essa cachaça do dia a dia, só por um grande amor. Acho que ele tem a ver com isso, não que ele tenha responsabilidade, mas para você esse momento que está vivendo é muito importante”, comentou a loira. Fátima, no entanto, explicou que ter mais tempo para ficar com o namorado não foi o único motivo que a fez tomar a decisão de deixar o programa diário.

“Foram várias coisas. Para namorar à distância, tem que ter muita maturidade. A gente tem que ter confiança, ficar bem, feliz, senão vive infernizando a vida do outro. Temos muita tranquilidade quando estamos longe para viver os caminhos necessários e aproveitar cada minuto quando estamos juntos”, comentou a jornalista, que mora atualmente no Rio de Janeiro, já Túlio em Recife. “Queria tanto que esse país fosse menor. Sonhava em redescobrir o amor, não precisava ser do Rio, mas esqueci de dizer para Deus que tinha que ser perto. Adoro Recife, mas é uma distância e a gente quer poder estar mais junto, mas essa não foi a única motivação não”, enfatizou. Após ser diagnosticada com um câncer, já curado, e precisar operar o ombro, Fátima disse que começou a refletir sobre muitas coisas e percebeu que queria ter mais tempo não só para o namoro, mas também para ficar com os filhos, fruto do seu casamento com o jornalista William Bonner.

“Além dessa parceria com ele [Túlio], desse amor tão bonito e inesperado na minha vida, tem os amores mais antigos, de 24 anos, meus filhos, sendo que dois estão indo viver na França. Fora isso, tive a questão do câncer que me fez refletir sobre muita coisa, achei que tinha muita coisa acontecendo ao mesmo tempo e tive medo de chegar um momento de dizer: ‘Quando é que vou destinar um tempo para mim?’. Meu filho está há dois anos lá [na França] e só fui [visitá-lo] uma vez. Não tive tempo, agora está indo a Laura [morar lá]. Dá uma certa agonia de estar responsavelmente presa no dia a dia”, explicou a apresentadora do “Encontro”. Além de não conseguir visitar o filho, Vinícius, com frequência, Fátima comentou que o jovem testou positivo recentemente para Covid-19 e ela não pode ir cuidar dele na França, mesmo tendo condições financeiras para isso.

Ter que falar abertamente sobre os problemas de saúde que enfrentou nos últimos mês também fez a jornalista repensar sua carreira como apresentadora de um programa diário: “Quando você tem dor de garganta, tem que explicar para um Brasil inteiro. As duas cirurgias em 10 meses, do ombro e do câncer, fizeram uma bagunça aqui para eu me organizar agora”. Fátima, que foi âncora do “Jornal Nacional”, trabalhou por 25 anos no jornalismo da Globo, depois migrou para o entretenimento e passou 10 anos no comando do “Encontro”. Ela deixa a atração matinal na próxima sexta-feira, 1, e já foi anunciada como apresentadora do “The Voice Brasil”. O “Encontro” será comandado agora por Patricia Poeta e Manoel Soares em novo horário, antes do “Mais Você”. O programa de Ana Maria Braga começará mais tarde.

Fonte: Jovem Pan

Comunicar erro
Publicidade

Comentários

Publicidade